Lidos: Os livros de Janeiro!♥

Começo do ano é sempre esse gás.
Tão aqui as resenhas do li nesse janeirão de 2017 e espero as indicações de vocês pro resto do ano!
Me conta nos comentários!

PicMonkey Collage.png

Talvez Um Dia – Coleen Hoover
Editora: Galera Record
Sinopse:‘Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento… Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.’
O que eu achei:  Esperei em ‘Talvez Um Dia’, um livro bobo, desses bem clichês, mas fui positivamente surpreendida.
A história é mais profunda do que soa na sinopse e,  mesmo com um final bem esperado, sentimentos profundos e confusos são colocados de uma forma leve e que levantam aquele nosso contestamento interior sobre opiniões que temos formadas, mas que podem (ou não) mudar com cada circunstância.
Vale a leitura especialmente pelos personagens que são muito carismáticos.

Noah Foge de Casa – John Boyne
Editora: Seguinte
Sinopse:‘Em seu primeiro livro infanto-juvenil desde o enorme sucesso de “O menino do pijama listrado”, John Boyne deixa a fábula histórica e o ambiente dos campos de concentração da Segunda Guerra Mundial e mergulha em um mundo em que cachorros e burros falam, portas andam e laranjas se espremem sozinhas. Noah tem oito anos e acha que a maneira mais fácil de lidar com seus problemas e não pensar neles. Quando se vê cara a cara com uma situação muito maior do que ele próprio, o menino simplesmente foge de casa, aventurando-se sozinho pela floresta desconhecida. Logo, Noah chega a uma loja mágica de brinquedos, com um dono bastante peculiar. Ele tem uma história para contar, uma história cheia de aventuras que termina com uma promessa quebrada, uma história que vai levar o fabricante de brinquedos a pensar sobre o seu passado e Noah a pensar sobre aquilo que deixou para trás.’
O que eu achei: Como a maioria dos livros de John Boyne, ‘Noah Foge de Casa’ é um best-seller encantador.
Fininho, com uma história rápida, dinâmica e cheia de metáforas e fantasia, o livro recuperou dentro de mim, o desejo de ler dessas ficções que beiram o infanto-juvenil, mas que tocam nossos sub-conscientes cheios de problemas cotidianos, e os transformam em magia.

O Histórico Infame de Frankie Landau-Banks – E. Lockhart
Editora: Seguinte
Sinopse:‘Aos catorze anos, Frankie Landau-Banks era uma menina comum. Gostava de ler, participava do Clube de Debates e era a princesinha da família. Mas nas férias de verão ela se transforma: de repente surge uma garota cheia de curvas, com uma beleza inusitada. E essa transformação física vem acompanhada de uma mudança de atitude: Frankie já não aceita um “não” como resposta. Principalmente quando esse “não” significa que ela não pode participar da sociedade secreta da qual seu namorado faz parte, só porque é menina.
Usando todas as suas habilidades (e alguns conhecimentos adquiridos nas aulas), Frankie criará artimanhas para provar que pode ser ainda mais genial que os membros da Leal Ordem dos Bassês. E a escola logo se tornará palco de pegadinhas até então inimagináveis.’
O que eu achei: Dei um Google atrás de romances feministas e encontrei o título numa lista BEM LEGAL no ‘Nó de Oito’, mas, acabei me decepcionando um pouco com livro.
Mesmo muito bem escrito (amo o trabalho de E. Lockhart – lembram de ‘Mentirosos’?), fiquei com a impressão de que a história começa muito bem explicada, mas no último terço descamba e corre pra acabar. Logo, reparei que faltou uma conclusão, um final digno para a revolucionária protagonista, um fechamento para tudo o que ela passou durante a trama e até um desfecho para os outros personagens.
Eu estava a espera de uma sacada legal, com um final cheio de significado, mas fiquei a ver navios.

O Lado Feio do Amor – Coleen Hoover
Editora: Galera Record
Sinopse:‘Quando Tate Collins se muda para o apartamento de seu irmão, Corbin, a fim de se dedicar ao mestrado em enfermagem, não imaginava conhecer o lado feio do amor. Um relacionamento onde companheirismo e cumplicidade não são prioridades. E o sexo parece ser o único objetivo. Mas Miles Archer, piloto de avião, vizinho e melhor amigo de Corbin, sabe ser persuasivo… apesar da armadura emocional que usa para esconder um passado de dor.
O que Miles e Tate sentem não é amor à primeira vista, mas uma atração incontrolável. Em pouco tempo não conseguem mais resistir e se entregam ao desejo. O rapaz impõe duas regras: sem perguntas sobre o passado e sem esperanças para o futuro. Será um relacionamento casual. Eles têm a sintonia perfeita. Tate prometeu não se apaixonar. Mas vai descobrir que nenhuma regra é capaz de controlar o amor e o desejo.’
O que eu achei: 
Apesar de devorar a história, não dava pra esperar algo diferente de um clichê e é isso que o livro é.
O segredo, com certeza, são os personagens envolventes e a forma leve, mas profunda, que são retratados pela autora.
A história é bem boa, mas deixa a desejar por ter um final tão previsível.
Vale pra gastar tempo numa leitura bem feita, mas despretensiosa.

‘A Improvável Jornada de Harold Fry’ – Rachel Joyce
Editora: Suma de Letras
Sinopse:‘A improvável jornada de Harold Fry, de Rachel Joyce, tem como temas centrais os sentimentos de amor, amizade e arrependimento. A autora conta a história do aposentado Harold Fry que numa manhã de sol sai de casa para colocar uma carta no correio, sem imaginar que estava começando uma jornada não planejada até o outro lado da Inglaterra. Ao receber uma carta de Queenie Hennessy, uma velha amiga com quem não tem contato há décadas, Harold Fry descobre que ela está em uma casa de saúde, sucumbindo ao câncer. Então, escreve uma resposta rápida e, deixando sua mulher com seus afazeres, vai até a caixa postal mais próxima. No caminho, tem um encontro casual que o convence de que ele deve entregar sua mensagem para Queenie pessoalmente. E assim começa a peregrinação improvável de Harold Fry.Determinado a andar 600 milhas de Kingsbridge à Berwick-upon-Tweed, acredita que enquanto caminhar, a amiga estará viva. Ao longo do caminho, ele encontra personagens fascinantes, que o trazem de volta memórias adormecidas: sua primeira dança com a mulher Maureen, o dia do seu casamento, a alegria da paternidade. Todos os resquícios do passado vêm correndo de volta para ele, permitindo-lhe conciliar as perdas e os arrependimentos.’
O que eu achei: Esperava muito mais do livro.
Achei os personagens nada carismáticos, e o começo lento, o que me fez derrapar muitas vezes ao ler.
Mesmo sendo um livro com um tema central tão bom (superação), a história poderia ser melhor desenvolvida, para chegar ao ápice com mais emoção, com mais vontade de entender tudo aquilo que se passa.
Vale a leitura pela riqueza em detalhes e, especialmente pra quem passa por um momento de transição pessoal.

*

Se você já leu algum desses livros ou quer me indicar algum, me conta nos comentários!

Vamos conversar!

beijos♥

Anúncios

5 comentários sobre “Lidos: Os livros de Janeiro!♥

  1. Verinha, toda vez que vejo um post teu sobre livros lidos, vou correndo olhar! haha
    Estava com muita vontade de ler “Talvez um dia”, porque adoro a Colleen, e agora com sua resenha superrrr, fiquei doida pra ler!! E minha lista só cresce! haha
    Depois te digo o que achei! Ah, o que está lendo agora?
    Xêro!

    Curtir

Conta pra mim o que você achou?!♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s