Lidos: Os livros de Maio!♥

Cá estou eu para contar que maio foi mais um mês cheio de livros lidos e algumas mais histórias boas para saborear.
Dentre os livros abaixo estão: o pior e o melhor de 2016 até agora.
Se quiser saber deles, é só continuar lendo :)
PicMonkey Collage

O Último Passageiro – Manel Loureiro
Editora: Planeta
Sinopse: ‘Agosto de 1939. Um enorme transatlântico chamado Valkirie aparece vazio e à deriva no Oceano Atlântico. Um velho navio cargueiro o encontra e decide rebocá-lo até o porto, mas não sem antes descobrir que nele há um bebê de poucos meses… e algo mais que ninguém é capaz de identificar.
Por volta de setenta anos depois, um estranho homem de negócios decide restaurar o misterioso transatlântico e repetir, passo a passo, a última viagem do Valkirie. A bordo, presa em uma realidade angustiante, a jornalista Kate Kilroy busca uma boa história para contar. Mas acabará descobrindo que somente sua inteligência e sua capacidade de amar podem evitar que o transatlântico pague novamente um preço sinistro durante o percurso. Inquietante. Enigmático. Viciante. Bem-vindo ao Valkirie. Você não poderá desembarcar, mesmo se quiser.

O que eu achei: Mais uma indicação da minha amiga mais viciada em livros (sigam ela no #Instagram que sempre tem o que ela anda lendo por lá! @karlabassi), ‘O Último Passageiro’ cumpre exatamente o que a sinopse trás: um terror bem comercial que, na minha opinião, se sairia melhor se fosse um filme (pois é, migos).
O livro tem um início moroso, um principio onde o que nos resta é nos apegarmos aos personagens e entendermos mais deles. No meio, evolui para a trama central, e mesmo com todos os clichês, consegue levar bem o leitor ao final, que embora se prolongue mais do que deveria, é surpreendente bom, amarra bem a história e entrega o que prometeu: suspense e emoção.

Invisível – David Levithan
Editora: Galera Record
Sinopse: ‘Stephen passou a vida do lado de fora, olhando para dentro. Amaldiçoado desde o nascimento, ele é invisível. Não apenas para si mesmo, mas para todos. Não sabe como é seu próprio rosto. Ele vaga por Nova York, em um esforço contínuo para não desaparecer completamente. Mas um milagre acontece, e ele se chama Elizabeth. 
Recém-chegada à cidade, a garota procura exatamente o que Stephen mais odeia. A possibilidade de passar despercebida, depois de sofrer com a rejeição dos amigos à orientação sexual do irmão. Perdida em pensamentos, Elizabeth não entende por que seu vizinho de apartamento não mexe um dedo quando ela derruba uma sacola de compras no chão. E Stephen não acredita no que está acontecendo… Ela o vê!
O que eu achei: Eu só havia lido um livro de David antes de ‘Invisível’, o colaborativo ‘Will e Will'(com Jonh Green), que adorei, então, esperava super uma história e fui surpreendida por um outro estilo de escrita e de condução da trama.
Não achei que se tratasse de uma fantasia e também não achei que fosse ser tão clichê, o que infelizmente é (mesmo sendo uma grande metáfora da vida). Apesar da história começar interessante e com um ritmo bom, que ajuda a manter a leitura dinâmica, da metade para o final parece que o livro ‘descamba‘.
Indico pra quem procura uma leitura pra ‘limpar o paladar‘, um livro pra se ler num tempo curto, puramente como entretenimento, sem esperar grandes profundidades.

Mentirosos – E. Lockhart
Editora: Seguinte
Sinopse: ‘Os Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano eles passam as férias de verão numa ilha particular. Cadence — neta primogênita e principal herdeira —, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos. Cadence admira Gat por suas convicções políticas e, conforme os anos passam, a amizade com aquele garoto intenso evolui para algo mais.
Mas tudo desmorona durante o verão de seus quinze anos, quando Cadence sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu.
‘Mentirosos’ é um suspense moderno e sofisticado, impossível de largar até que todos seus mistérios sejam desvendados. Ao mesmo tempo, a prosa lírica e o estilo seco e denso o fará mergulhar de cabeça no mundo dos Sinclair e nas crescentes angústias de Cadence — para então vir à tona completamente impactado.’

O que eu achei: O melhor livro de 2016 ATÉ AGORA sem sombra de dúvidas. Mesmo.
Que história incrível, que trama, que escrita PERFEITA. Amarrada, sem grandes pretensões de se tornar um best-seller até SER UM!
Não posso falar muito do livro, para não dar spoilers, mas posso garantir que, mesmo começando confuso, tudo vai fazendo sentido durante a leitura. CONFIA!
(Não esquece de me contar depois nos comentários se você já leu -por conta ou indicação do bog- e o que achou!).

Garoto Encontra Garoto – David Levithan
Editora: Galera Record
Sinopse: ‘Paul estuda em uma escola nada convencional. Líderes de torcida andam de moto, a rainha do baile é uma quarterback drag-queen, e a aliança entre gays e héteros ajudou os garotos héteros a aprenderem a dançar. Paul conhece Noah, o cara dos seus sonhos, mas estraga tudo de forma espetacular. E agora precisa vencer alguns desafios antes de reconquistá-lo: ajudar seu melhor amigo a lidar com os pais ultrarreligiosos que desaprovam sua orientação sexual, lidar com o fato de a sua melhor amiga estar namorando o maior babaca da escola e, enfim, acreditar no amor o bastante para recuperar Noah.
O que eu achei: Para tirar a impressão que fiquei de David em ‘Invisível’, decidi ler mais um livro dele.
Para minha decepção, ‘Garoto Encontra Garoto’ foi o pior livro de 2016 até agora.
A história é cheia de estereótipos, cheia de uma linguagem batida e uma trama nada envolvente.
Apesar de mostrar bem um cenário de diversidade, de diferenças entre pessoas e de comportamentos, especialmente na adolescência, o livro não tem objetivo, não tem grandes momentos, e os personagens lembram outros de outros livros do autor.

A Arte de Correr na Chuva – Garth Stein
Editora: Paralela
Sinopse: ‘Enzo sabe que é um cachorro diferente. Quase humano, passa horas filosofando e é obcecado com televisão: aprende tudo por lá. Além disso, presta muita atenção nas palavras de seu mestre, Denny Swift, um piloto de corridas. Enzo aprendeu muito sobre o que significa ser um humano com Denny. A vida, assim como a corrida, não é apenas sobre a chegada. As técnicas para a pista podem ser aplicadas a todas as etapas da vida. Agora, prestes a morrer, Enzo reflete sobre tudo pelo qual já passou com sua família humana. Os sacrifícios que Denny fez para ser bem-sucedido, mesmo após a morte de sua esposa, Eve; assim como as dificuldades em ser pai de Zoë. Apesar de estar ciente de suas limitações, Enzo ainda consegue ser o herói da família Swift. Uma história comovente sobre lealdade, esperança, família e amor.
O que eu achei: Que livro lindo!
Bem escrito, com uma história de amor e cumplicidade, de compreensão e persistência.
O enredo é tocante, a forma como é contado também é emocionante e sua carga de sensibilidade apenas aumenta no decorrer da trama.
O livro me fez sorrir por vários momentos com as ótimas tiradas de Enzo e sua carga emocional profunda, aumenta a cada passo ao final do livro.

*

Se você gostou dos livros de maio, não esquece de deixar seu comentário!
Me conta também o que você anda lendo por aí e se tem uma indicação legal!

beijos♥

Anúncios

14 comentários sobre “Lidos: Os livros de Maio!♥

  1. Meeeeu Deeeeus Verinha!!! Você me matou agora com essa “descrição” (não sei como chamar!) de Mentirosos!!! :) :) :0
    Agora estou OFICIALMENTE obcecada e não descanso enquanto não ler!
    Xauzinho, vou procurar o livro agora pra baixar! heheh Fui!!
    p.s.: Indicações ótimas, inclusive adoro teus comentários sobre os livros que acha “ruins”, bom saber o que não é tão legal, assim não perco tempo!
    Xeero

    Curtido por 1 pessoa

  2. […] Mentirosos – E. Lockhart Sinopse: ‘Os Sinclair são uma família rica e renomada, que se recusa a admitir que está em decadência e se agarra a todo custo às tradições. Assim, todo ano eles passam as férias de verão numa ilha particular. Cadence — neta primogênita e principal herdeira —, seus primos Johnny e Mirren e o amigo Gat são inseparáveis desde pequenos, e juntos formam um grupo chamado Mentirosos. Cadence admira Gat por suas convicções políticas e, conforme os anos passam, a amizade com aquele garoto intenso evolui para algo mais. Mas tudo desmorona durante o verão de seus quinze anos, quando Cadence sofre um estranho acidente. Ela passa os próximos dois anos em um período conturbado, com amnésia, depressão, fortes dores de cabeça e muitos analgésicos. Toda a família a trata com extremo cuidado e se recusa a dar mais detalhes sobre o ocorrido… até que Cadence finalmente volta à ilha para juntar as lembranças do que realmente aconteceu.’ Minha Resenha […]

    Curtir

Conta pra mim o que você achou?!♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s