#blogmas2015 – Meu melhor Natal!

Acho que estávamos em 2008. Eu já trabalhava fora e havia acabado de reformar o quarto em que eu dormia com meus irmãos.
Nosso canto agora contava com uma prateleira suspensa e uma bicama charmosa.
Acho que eram por volta de 3 da manhã, os visitantes já haviam ido embora e a sala estava cheia de papéis de presente rasgados. Haviam sacolas jogadas por todo o canto, quase fazendo pares com as garrafas de vinho vazias e alguns pratos repletos de cascas de frutas.
Ouvi meu pai me chamar, todos dormiam, exceto nós dois.
‘-Você me ajuda a pegar os presentes?’
Meus olhos brilharam: eu, aparentemente, ajudaria o Papai Noel naquela noite!

No primeiro quarto, meus irmãos dormiam como anjos, e nas pontas das camas deixamos 3 grandes caixas. Meu pai seguiu, tentando carregar tudo sozinho, então pedi permissão e coloquei a caixinha pequena na ponta da cama da minha mãe.
Ainda deu tempo para sentarmos e provarmos os biscoitos que havíamos deixado ao Papai Noel que deveria estar faminto, mas na verdade, estava feliz por ter ceado.

Meu melhor Natal foi o Natal que me fez acreditar! Que me deixou, não apenas ver a vela acesa queimando a parafina, mas pegar o fósforo na mão e ajudar a acende-la.
A vela queima até hoje, todos os anos, quando ajudo a colocar todos os presentes nas pontas das camas!♥

Anúncios

11 comentários sobre “#blogmas2015 – Meu melhor Natal!

  1. Um dos Natais que me chamou muito a atenção era o ano que eu me meu primos armamos uma armadilha para descobrir quem era o Papai Noel. Arquitetamos um plano perfeito, mas no fundo deu tudo errado… foi muito engraçado! Acho que a parte mais bacana foi essa de entrar no clima do Natal e aproveitar ele realmente… é uma pena ver essa geração vendo o Natal somente por filtros do Instagram :(

    Seus Natais são lindosss!! Parabéns pela tua atitude!Bjbjbjbjbj

    Curtido por 1 pessoa

    • Aahhahahah que fofooooooooooooos! Queria muito ter tido a ideia da armadilha Bru!
      Concordo total com você! O importante, como diria minha mãe, é fotografarmos com a nossa memória!
      Beijoooooooooooos♥

      Curtir

  2. Que linda sua lembrança de Natal, Vera…
    E concordo com a Bruna, as pessoas estão perdendo o sentido em tudo, nas datas “comemorativas”, no prazer de ajudar, de fazer parte, de confraternizar com quem amamos. Cabe a nós ensinar a nossos filhos, primos, sobrinhos, para os mais novos, o prazer de viver as coisas de verdade, de guardar lembranças verdadeiras!!!
    Amei
    Xero

    http://mulherpequena.wordpress.com

    Curtido por 1 pessoa

    • É isso mesmo, Mari!
      Cada vez mais sinto que as pessoas se afastam das coisas que realmente importam!
      O mais importante é continuarmos com nossa essencia e sempre nos lembrarmos que o coração é quem guarda o que vale!
      Beijos!♥
      (ps: amo ‘xero’ ahahaha melhor saudação!)

      Curtido por 1 pessoa

  3. Que delícia de relato, saudade da época em que o Natal aqui de casa era assim… Esse ano criamos uma super expectativa, mas cada um foi pro seu canto. Sou daquelas que acredita que Natal se passa em família… bom, mas fazer o quê né. Outros virão.

    Beijos (e Feliz Natal! atrasado))

    Curtido por 1 pessoa

Conta pra mim o que você achou?!♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s