Filmes Assistidos #15 (#BEDA26)

Primeiramente: Ontem furei o BEDA, por motivos de doenta ):
Segundamente: Vamos ver os últimos filminhos que eu assisti (aliás, TODOS disponíveis no Netflix!)e o que eu achei deles?!
VAMOOOOOOOOOOO *\o/*

Como já tinha dito, conforme for assistindo e classificando (Agora de 2 a 5 estrelinhas, já que nunca consigo dar uma só!) (:
Legenda:
☆☆ – Bom, mas não assistiria de novo;
☆☆☆ – Bom;
☆☆☆☆ – Muito bom;
☆☆☆☆☆ – Já quero na coleção! ♥

(Todas as sinopses são pelo ‘Adoro Cinema’).

Preciosa – Uma História de Esperança (2010)

Sinopse: ‘1987, Nova York, bairro do Harlem. Claireece “Preciosa” Jones (Gabourey Sidibe) é uma adolescente de 16 anos que sofre uma série de privações durante sua juventude. Violentada pelo pai (Rodney Jackson) e abusada pela mãe (Mo’Nique), ela cresce irritada e sem qualquer tipo de amor. O fato de ser pobre e gorda também não a ajuda nem um pouco. Além disto, Preciosa tem um filho apelidado de “Mongo”, por ser portador de síndrome de Down, que está sob os cuidados da avó. Quando engravida pela segunda vez, Preciosa é suspensa da escola. A sra. Lichtenstein (Nealla Gordon) consegue para ela uma escola alternativa, que possa ajudá-la a melhor lidar com sua vida.’
Estrelinhas: ☆☆
O filme e o enredo: O filme é realmente bom, vale a pena, mas ainda assim é um filme muito pesado. A carga emocional da trama e do enredo, unidos a uma direção bem dramática, inclusive no quesito fotografia, deixou o longa cansativo e obscuro.
O elenco: Gabourey Sidibe , a Preciosa, concorreu ao Oscar pelo papel, então, dispensa comentários, mas quem realmente me chamou a atenção foi Mo’Nique, a atriz que interpreta sua mãe, mas que por incrível que pareça, não tem nenhum grande filme no currículo. Uma pena.
Considerações Finais: Como eu disse, resumidamente, o filme é penoso, obscuro, trágico. Mostra superação? Mostra. Mostra que todos temos segundas chances na vida? Mostra. Mas ainda assim, mostra o preço que muitas vezes pagamos por erros que não foram nossos.

Backstreet Boys – Show’Em What You’re Made Of’ (2015)

Sinopse: ‘Além de exibir um show inédito, Backstreet Boys – Show ‘Em What You’re Made Of mostrará os bastidores do último disco de uma das maiores boyband dos anos 90. Nick, Howie, Brian, A.J. e Kevin relembrarão diversos acontecimentos e aventuras ao longo desses vinte anos de carreira.’
Estrelinhas: ☆☆☆☆☆
O filme e o enredo: Sei que sou muito suspeita porque estamos falando simplesmente de uma das minhas bandas (se não A banda) favoritas, mas que filme fofo! O longa mostra de uma forma diferente e com uma montagem bem mesclada 3 frentes diferentes: a produção do novo cd e turnê com os 5 reunidos, a história da banda e dos álbuns e a história de cada um dos integrantes sendo contadas por eles mesmos.
O elenco:
Considerações Finais: Achei a direção e a produção felizes no retrato da carreira da banda, fazendo de uma forma natural e bem montada cada uma das linhas do tempo.

Chamada de Emergência (2013)

Sinopse: ‘Jordan (Halle Berry) é atendente do sistema de emergência da polícia americana. Determinado dia, atende uma ligação de uma jovem assustada com o fato de que existe um homem tentando invadir sua casa. O caso acaba com o pior final possível e Jordan fica traumatizada. Anos mais tarde, ela se vê diante do mesmo criminoso, que agora ameaça outra garota, Casey (Abigail Breslin).’
Estrelinhas: ☆☆☆☆
O filme e o enredo: Já queria assistir esse filme tinha um tempo, então foi só vê-lo no Netflix que apertei play e MEU DEUS QUE FILME!
Ele é mais um desses suspensões cheios de momentos em que ficamos sem voz, com reviravoltas incríveis, uma mocinha sensacional e sem nenhuma grande falha.
O elenco: Halle DEUSA Berry está em um dos melhores papéis que vi. Natural e espontânea, vivendo muito realmente o personagem.
Considerações Finais: Suspense bom, desses que fazem a gente se contorcer na cadeira querendo gritar e correr junto com a mocinha. Super indico pra quem curte o gênero.

Passageiros (2009)

Sinopse: ‘Claire Summers (Anne Hathaway) é uma jovem terapeuta designada por Perry (Andre Braugher), seu mentor, a dar orientação psicológica aos cinco sobreviventes de um terrível acidente aéreo. Ela enfrenta problemas ao ser confrontada por Eric (Patrick Wilson), que recusa sua ajuda e usa o acidente para tentar cortejá-la. Isto faz com que, paralelamente, Claire lute contra as iniciativas de Eric e os demais pacientes enfrentem dificuldades com as lembranças do acidente, distintas das explicações oficiais fornecidas pela companhia aérea.’
Estrelinhas: ☆☆☆
O filme e o enredo: Posso desenvolver muito sobre o filme? Não. Por quê? Porque ele é cheio de plot-twists e eu estragaria tudo. Apenas assistam.
O elenco: Se eu pudesse escolher uma atriz pra me interpretar no filme da vida ela seria Anne Hathaway. Que atriz! Que mulher! Simplesmente a nova Meryl Streep, na minha humilde opinião. Então, como não poderia ser diferente, ela está incrível no papel da apática Claire. Ao seu lado, o melhor ator para filmes de terror (♥) Patrick Wilson, igualmente brilhante.
Considerações Finais: O filme é ótimo. Tem algumas falhinhas? Tem sim. Mas vale pela trama, pela história, pela produção muito bem feita, pela montagem (que jeito incrível de se contar uma história!). Surpreendente e muito bom!

Lola (2012)

Sinopse: ‘Lola (Miley Cyrus) vive em um mundo cada vez mais conectado pelas redes sociais. Em meio aos romances e amizades de colégio, ela enfrenta dificuldades em manter uma relação saudável com sua própria mãe, Anne (Demi Moore).’
Estrelinhas: ☆☆
O filme e o enredo: O longa não surpreende. A história é monótona, beirando a chatisse. Me lembrou uma mistura de ‘Rebeldes’ com ‘Malhação 2009’, onde todos os adolescentes eram revoltados com os pais, priorizavam os namoricos e os dramas eram pequeninhos.
O elenco: Podem me julgar, mas até gosto de Miley atuando (quem lembra dela em ‘A Última Música’?). Demi Moore dispensa comentários, mas está apagada no papel.
Considerações Finais: Filminho água com açúcar desses beeeeem mais ou menos.

Entre Nós (2014)

Sinopse: ‘Sete jovens amigos escritores viajam para uma casa de campo para celebrar a publicação do primeiro livro do grupo. Lá, eles escrevem cartas para serem abertas dez anos depois. A viagem acaba em uma tragédia após a morte de um dos amigos. Mesmo assim, eles se reúnem dez anos depois para lerem as cartas.’
Estrelinhas: ☆☆☆
O filme e o enredo: Sou dessas que tem preconceitinho com o cinema nacional? Sim, um pouco. porém no caso de ‘Entre Nós’, queria muito assistir pela sinopse e olha, me surpreendi positivamente com o longa.
A fotografia é bacana, a direção é bem direitinha, a trama é bem escrita e não tive nenhum grande desapontamento em questão de produção. Ponto pro cinema nacional.
O elenco: Caio Blat parece ser o protagonista, porém não curto muito ele atuando, então, passou despercebido por mim. Sua esposa na vida real, Maria Robeiro dá show junto com Paulinho Vilhena. De qualquer forma, achei o elenco MUITO entrosado e bem em conjunto nas cenas.
Considerações Finais: Vale o ingresso sim. A trama é boa, o elenco é bom, a história prende. Deixou a desejar um pouco no final? Sim, esperava mais, porém ainda assim foi ok.

O Espetacular Homem Aranha (2012)

Sinopse: ‘Peter Parker (Andrew Garfield) é um rapaz tímido e estudioso, que inicou há pouco tempo um namoro com a bela Gwen Stacy (Emma Stone), sua colega de colégio. Ele vive com os tios, May (Sally Field) e Ben (Martin Sheen), desde que foi deixado pelos pais, Richard (Campbell Scott) e Mary (Embeth Davidtz). Certo dia, o jovem encontra uma misteriosa maleta que pertenceu a seu pai. O artefato faz com que visite o laboratório do dr. Curt Connors (Rhys Ifans) na Oscorp. Parker está em busca de respostas sobre o que aconteceu com os pais, só que acaba entrando em rota de colisão com o perigoso alter-ego de Connors, o vilão Lagarto.’
Estrelinhas: ☆☆☆☆
O filme e o enredo: Gente preciso falar: QUE SAUDADE DE UM HOMEM ARANHA DE VERDADE! Um badass que cumprisse e honrasse aquele collant!
Depois da trilogia com Toby Maguire estragando o super herói, achei que estava tudo perdido, mas não!
O longa é SUPER bem produzido, filmado com aquele toque de computação que querendo ou não, deixa tudo mais realista, interessante e cabe muito bem pra proposta desse tipo de filme.
O elenco: Ah esse elenco! ♥ Andrew Garfield não só faz as honras como ACABA com a antiga imagem do paspalho e apático herói e constrói um menino novo, cheio de energia, meio nerd que faz um monte de besteira até se tornar um dos melhores heróis da história! Vale dizer também que Emma Stone está LINDA DE MORRER e muito bem no papel de Gwen (INFINITAMENTE MAIS ~NOSSO TIPO~ do que a desertora Mary Jane).
Considerações Finais: Filmaço pra família toda, pra entreter e fazer jus ao nome do Homem Aranha. ♥

*

Se você já viu algum desses filmes, ou quer ver, ou tem alguma opinião legal (ou chata), deixa aqui embaixo! Vamos conversar!

Beijos♥

Anúncios

5 comentários sobre “Filmes Assistidos #15 (#BEDA26)

  1. Preciosa é o único que não assisti ainda, mas que sempre tive vontade. Eu fico pensando que vou começar a chorar e ficar com ódio no meio do filme aí desisto hauahahha \o/ ahhh, eu gostei de Lola hahahhehe talvez por eu ser fã da miley, mas confesso que tem partes do filme que eu ficava tipo ???? hauahahah ah, passageiros é ❤️❤️❤️ fiquei mt surpreendida hahaha
    Adorei a lista!!! *_*
    Beijao :*

    Curtir

Conta pra mim o que você achou?!♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s