Bateu a Saudade: The O.C.♥

Meu coração bateu mais forte em saber que estreou, nesta segunda (29), na Warner, a nova superprodução ‘Gotham‘, que tem como estrela (no papel do detetive James Gordon), ninguém menos que Ben McKenzie, o astro da série mais fofa dos anos 2000: The O.C.

Como explicar o amor por uma série de TV? Pode ser o enredo, o elenco, a trama, um conjunto de cenas e acontecimentos, as polêmicas… Ou tudo isso junto e misturado.
A série se tornou a ~cara da minha adolescência~. Aquela que eu sonhava em viver, o ‘Dawson’s Creek’ dos anos 2000, a ‘Malhação’ da gringa…

Por isso, depois de muito pensar, decidi listar os motivos que me fazem lembrar da série com tanto carinho (e que me dão vontade de assistir tudo de novo!). Pega a pipoca e vem comigo!

1- O Humor de Seth Cohen (Adam Brody).
Seth era o nerd do grupo. Tinha um cavalo de brinquedo de mascote, desenhava e era um total anti-social antes da chegada de Ryan (♥). Ainda assim (ou justamente por isso), era a dose de humor e ironia do seriado.

2- As Músicas da Série.
Quem nunca ouviu e cantarolou ‘Califórnia, here we came’, tá mentindo, agora, mais do que isso, toda a trilha de The O.C. reinou em minhas playlist’s ao longo da minha adolescência. De ‘Death Cab for Cutie’ á ‘Imogen Heap’, passando por ‘Keane’ e ‘The Killers’ (até hoje, as amo).

3- Cenas Emblemáticas.
Quem acompanhava a série sabe: quantas e quantas cenas marcantes tivemos em 4 temporadas! Desde o primeiro encontro de Ryan e Marissa na calçada, ele a carregando em Tijuana, ela atirando em seu irmão em sua defesa, os dois presos no shopping com Seth e Summer, o beijo inspirado em ‘O Homem-Aranha’ do casal que (spoiler!) acaba se casando no season finale e até a morte de Marissa, só o que The O.C nos proporcionou foram cenas de tirar o folego (pro bem ou pro mal).

4- Saíram de lá e você NÃO SABE!
Vários atores grandiosos passaram e foram revelados por The O.C.
Além de Ben Macknzie (hoje em ‘Gotham’) e Rachel Bilson (em ‘Hart Of Dixie’), Adam e Mischa atuaram em vários longas. A série ainda revelou nomes como Shailene Woodley, Paul Weesley, Olivia Wilde, Nikki Reed, Cam MOZÃO Gigandet e Jackson Rathbone.
-justificando minha obsessão-

5- O bíceps de Atwood. Ryan Atwood. (Leia como Bond. James Bond).
Não foram apenas a força visceral e super protetora de Ryan que me fizeram morrer de amor. Teve também a doçura do Seth, a beleza singela de Zach, a coxinhisse do Luke, a timidez de Johnny, a maldade de Trey e (principalmente) toda a malhação e pegada de Kevin.

6- Triângulos, Quadrados e (até) Quintetos – Amorosos (ou não).
Sabem o famoso poema ‘A Quadrilha’ de Drummond? (‘João que amava Teresa que amava Raimundo…’), pois é, é quase a sinopse de The O.C. Ryan namorava Marissa que se enrolou com Alex, que namorou Seth que casou com Summer, mas antes dela namorou Anna, que quase ficou com Zach que se envolveu com Lindsay que namorou Ryan e etc etc etc.
E a dança das cadeiras, também acontecia com o núcleo mais velho. Era cada combinação de casal pra ninguém dizer que o mundo não é cheio de possibilidades.

7- Realidade x Ficção.
A verdade, meus caros, é que todos queríamos ser alguém, exatamente como em The O.C. No fim, todos temos lutas diárias (mais ou menos interessantes), assim como a série retratava. Os problemas da adolescência, as consequências das nossas escolhas e principalmente, as chances que deixamos passar fazem de nós o que somos naquele momento, e depois.

Você assistia The O.C. ?! Nunca assistiu?! Me conta nos comentários!

Beijos♥

Anúncios

Conta pra mim o que você achou?!♥

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s